BR-232

'Onde você tiver, você está vivo no meu coração': pai de motorista de aplicativo encontrado morto desabafa

O pai do motorista de aplicativo que estava desaparecido e foi encontrado morto mandou recado para o filho, falou sobre o que acha que aconteceu e agradeceu pelos apoios

'Onde você tiver, você está vivo no meu coração': pai de motorista de aplicativo encontrado morto desabafa

Wendell Higor Santos de Almeida, 27 anos, foi visto pela última vez em seu carro, antes de pegar a estrada. - Foto: Reprodução/TV Jornal

O pai do estudante de educação física e motorista de aplicativo que desapareceu e foi encontrado morto, nessa quarta-feira (27), conversou com a equipe de reportagem da TV Jornal. Wendell Higor Santos de Almeida, de 27 anos, estava desaparecido há mais de uma semana. O corpo dele foi encontrado dentro do próprio carro, na BR-232, em Pombos, no Agreste de Pernambuco. 

>> Família confirma que corpo encontrado em decomposição é de motorista de aplicativo que estava desaparecido

Desabafo do pai

Emocionado, o pai de Wendell, José Ubiraci, deixou um recado para o filho. "Onde você tiver, você está vivo no meu coração, vivo no coração de sua mãe, sua mãe te ama, sempre vai te amar, teu pai também, todos os teus familiares, tu vais estar vivo em nossos corações. É só gratidão por Higor estar presente em nossas vidas por 27 anos", desabafa o pai.

>> Acidente? Onde foi visto pela última vez? Veja o que se sabe até agora sobre a morte de motorista de aplicativo

Ele também contou o que acredita que pode ter acontecido e a expectativa sobre as investigações. "Espero que tenha sido um acidente. Agora vai ficar à disposição da polícia, que vai investigar isso aí. Eu não estou aqui para arrumar culpados. O que eu tinha para fazer, eu já fiz. O que eu sempre falava, eu não quero culpados, eu quero Higor", disse José Ubiraci

O pai do estudante de educação física e motorista de aplicativo também agradeceu a todos que participaram das buscas pelo filho: "Só gratidão, por tudo. Eu só tenho que agradecer". Confira tudo na reportagem desta quinta-feira (28).

Local de difícil acesso

O acidente foi na descida da Serra das Russas, em um local de difícil acesso, de acordo com o inspetor da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Como o corpo estava em avançado estado de composição, a família de Higor Santos conseguiu confirmar, devido às roupas do motorista de aplicativo. 

O caso

Higor Santos estava sendo procurado pelos familiares, desde o dia 19 de outubro. O motorista de aplicativo foi visto, pela última vez, por câmeras de segurança de um estabelecimento em Vitória de Santo Antão. Ele desce do veículo, parece checar o motor e em seguida segue viagem. O corpo foi encontrado nesta quarta-feira (27). A placa do carro (NPU-5065) é a mesma do veículo utilizado pela vítima.

A mãe do jovem, Fátima Rito, relatou a que a família chegou a receber ligações de pessoas pedindo dinheiro em troca de notícias do motorista de aplicativo. A família procurou a polícia e registou um boletim de ocorrência. O irmão do motorista revelou que o rapaz costumava dar notícias das viagens. Portanto, o desaparecimento era estranho.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.