SAúDE

Apesar da queda no número de notificações, combate à dengue ganha reforço em Pernambuco

Em todo o Estado, 20 municípios estão com risco de surto de dengue e 73 se encontram em estado de alerta. Por isso, as pessoas devem reforçar os cuidados em casa

Apesar da queda no número de notificações, combate à dengue ganha reforço em Pernambuco

Em todo o Estado, 20 municípios estão com risco de surto de dengue e 73 se encontram em estado de alerta - Foto: Divulgação/Agência Brasil

Além de manter os cuidados com a prevenção à covid-19, uma outra doença também precisa de atenção: a dengue, transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. Apesar da queda no número de notificações, 20 cidades de Pernambuco estão com risco de surto e 73 em estado de alerta.

>>Pesquisa em Pernambuco confirma transmissão sexual do vírus da Zika

>>Casos de dengue, zika e chikungunya reduzem em 75% no Recife

Por isso, se tratando de dengue não se pode baixar a guarda ou melhor não deixar água parada e manter reservatórios limpos e fechados. Este é o recado que pretende passar a semana de combate à dengue, instituída por lei pela Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Dados

Até o início de outubro, 7.270 adoecimentos pela dengue foram confirmados no Estado. Durante todo o ano passado foram mais de 21 mil. Uma sensível queda, mas que não pode gerar um relaxamento nos cuidados com o mosquito aedes aegypti.

Chuvas intercaladas

Este período de chuvas intercaladas é o ambiente ideal para o mosquito, por isso cada pessoa deve cuidar da sua casa.

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.