Retomada

Frequentadores dos restaurantes, bares e academias percebem mudanças na retomada

Estabelecimentos foram reabertos nesta segunda-feira (20)

Suzyanne Freitas
Suzyanne Freitas
Publicado em 20/07/2020 às 13:00
Jailton Júnior/TV Jornal
FOTO: Jailton Júnior/TV Jornal
Leitura:

Nesta segunda-feira (20), os restaurantes, bares e academias foram reabertos e os frequentadores já perceberam as mudanças para atender aos protocolos de saúde. A higienização constante de todos os ambientes é uma das recomendações para evitar o contágio pelo novo coronavírus.

Padaria

Após quatro meses, a enfermeira Kelly Lemes, tomou o café da manhã servido fora de casa. Ao entrar na padaria, medição de temperatura e álcool gel nas mãos. Na ocasião, funcionários devem usar todos os equipamentos de proteção. A bancada onde fica a comida, agora, tem um vidro para proteger os alimentos e são os próprios funcionários que servem os clientes. A máscara só poderá ser retirada na hora da refeição. No salão, também apresenta um distanciamento entre as mesas e a higienização constante.

Academia

Um outro setor com várias mudanças foi o das academias. Com a retomada do estabelecimento, é preciso seguir uma série de medidas de higiene e segurança que começa logo na entrada. Na ocasião, cada aluno tem a temperatura medida, as mãos higienizadas e recebem um vaso de álcool 70% e o pano para higienizar os aparelhos a cada uso.

O estudante de engenharia, Yago de Miranda, estava ansioso para voltar aos treinos e diz que mesmo conta tantas restrições se sentiu seguro nessa volta.

Equipamentos isolados

Além disso, os esquipamentos das academias foram isolados para evitar contato entre os alunos e professores. Em uma unidade que fica no bairro da Tamarineira, apenas 60 alunos podem treinar a cada hora. O treino precisa ser agendado para evitar aglomerações.

O que é coronavírus?

Coronavírus é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China.Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

A maioria das pessoas se infecta com os coronavírus comuns ao longo da vida, sendo as crianças pequenas mais propensas a se infectarem com o tipo mais comum do vírus. Os coronavírus mais comuns que infectam humanos são o alpha coronavírus 229E e NL63 e beta coronavírus OC43, HKU1.

Como prevenir o coronavírus?

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco geral de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o coronavírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização.
  • Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com freqüência.
  • Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

+VÍDEOS