RETOMADA

Hospital da Mulher retoma consultas ambulatoriais nesta terça (8)

A retomada do ambulatório será de forma gradual e dentro das normas do plano de convivência da covid-19.

Hospital da Mulher retoma consultas ambulatoriais nesta terça (8)

Hospital da Mulher do Recife - Foto: Filipe Jordão/JC Imagem

Nesta terça-feira (8), o Hospital da Mulher do Recife (HMR), no Curado, Zona Oeste do Recife, retomará as consultas ambulatoriais, suspensas desde o dia 18 de março.

O espaço do ambulatório, que abrigou uma das enfermarias de covid-19 instaladas provisoriamente na unidade, funcionará com 50% de sua capacidade de atendimento, respeitando todos os protocolos para garantir segurança aos pacientes e colaboradores.

Assista

>> Após horas esperando, mulher dá à luz na recepção do Hospital da Mulher

>> Atitude Cidadã: Hospital da Mulher é uma das instituições beneficiadas

A retomada do ambulatório será de forma gradual e dentro das normas do plano de convivência da covid 19. De acordo com a direção do hospital, a unidade deverá cumprir todas as recomendações, como manter o distanciamento entre as pessoas e exigir o uso da máscara por pacientes e colaboradores. Quem estiver com sintomas gripais deve cancelar a marcação.

Regras

Para cumprir as exigências do Plano de Convivência com a Covid-19, a unidade adotará o distanciamento recomendado entre as pessoas, com agendamento limitado a, no máximo, quatro pacientes por hora, além de exigir o uso obrigatório de máscaras, por parte de pacientes e colaboradores.

Consultas e horários

A prioridade, neste momento, será para as pessoas que já estavam agendadas, nos meses de março e abril. Todas as marcações e remarcações serão feitas apenas pela Central de Regulação, por meio das unidades de saúde da prefeitura do Recife.

Já estão sendo remarcadas pela central as consultas com cardiologista, infectologista, nutricionista, ginecologista, endocrinologista, mastologista, dermatologista, reumatologista e psicólogo, psiquiatra. O ambulatório do HMR funcionará de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h.

Reabertura

Em agosto, voltaram a funcionar a UTI da Mulher e a Casa das Mães. Os profissionais de saúde que passaram os últimos meses na linha de frente da pandemia voltaram a atuar nas áreas de ginecologia e obstetrícia.

Durante o período mais crítico da pandemia, a Casa das Mães funcionou como área de apoio aos profissionais de saúde da linha de frente e, agora, o espaço volta ao seu funcionamento normal, servindo de residência provisória para mães que tiveram alta após o parto, mas cujos bebês continuam internados. A casa também abriga gestantes de alto risco em situação de vulnerabilidade social e bebês de alta, cujas mães ainda precisam de cuidados médicos

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.